REQUERIMENTO Nº 042/2020 – Doenças transmitidas por pombos, conhecidos como “ratos de asa” ou “ratos que voam”, também, podem matar como o “Corona vírus”.

O Vereador Mário Alves, que este subscreve, vem requerer ao Presidente da Câmara Municipal de Caxambu que, ouvido o plenário, seja oficiado o Senhor Prefeito para que apresente a esta Câmara Municipal as seguintes informações:

  • Existe no município algum plano ou política junto ao Departamento de Vigilância Sanitária ou Secretaria Municipal de Saúde para combater a proliferação de pombos, nos logradouros públicos, praças e, edificações de propriedade do Município de Caxambu?
  • Em caso positivo: Quais?
  • Em caso negativo: Porquê?

JUSTIFICATIVA

Senhor Presidente,
Senhora Vereadora,
Senhores Vereadores.

Recebi de alguns cidadãos caxambuenses um questionamento sobre a proliferação de pombos na área central da cidade, bem como no Parque das Águas.

Sendo assim, este vereador foi pesquisar sobre este assunto e, apurou que os contatos com pombos de rua causam as doenças como: cegueira, infecções no cérebro, dos pulmões e dos intestinos, sendo que a forma mais comum de infecções causadas pelos pombos é feita pelas vias respiratórias, através da inalação das fezes secas depositadas nos mais variados lugares, sendo, ainda, outro modo de contaminação, o piolho dos pombos que podem cair sobre as pessoas quando eles voam.

As principais doenças transmitidas pelos pombos são:

  • Criptococose (conhecida como doença do pombo, é causada por um fungo que pode afetar o sistema nervoso);
  • Histoplasmose (outra micose ocasionada por um fungo);
  • Salmonelose (causada por bactéria que afeta o sistema digestivo);
  • Ornitose (doença infecciosa aguda, com afinidade pelo sistema respiratório);
  • Dermatites e Alergias.

Assim, nosso questionamento visa responder àqueles indivíduos, se algum plano ou política está sendo praticado pelo Poder Executivo Municipal, visando estancar a proliferação de pombos, que, diga-se de passagem, está alarmante na área central da cidade, bem como a retirada dos mesmos daquele local (não é matar).

Registra-se que o autor do presente Requerimento estará apresentando um Projeto de Lei que “Proíbe alimentar ou manter abrigo para alojamento de pombos urbanos e veda a comercialização de alimentos para pombos nas vias, logradouros e praças públicas de Caxambu”.

Entendo que esta é uma questão que não pode ser ignorada pela Administração Municipal, pois, as doenças transmitidas pelos pombos, conhecidos como “ratos de asa” ou “ratos que voam”, também, podem matar como o “Corona vírus”.

Destarte, nosso requerimento se apresenta pertinente ao qual apresento aos nobres pares para seu conhecimento e aprovação.

Sala das Sessões, 18 de março de 2020.

MARIO ALVES
VEREADOR
Compartilhe este artigo!Share on Facebook
Facebook
0

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *